Case

#Totalidade
A melhor idade é a sua

Agencia io! - Idadismo - Mídias Sociais - Pré Lançamento
Agencia io! - Idadismo - Mídias Sociais - Pré Lançamento

O tema Idadismo

Segundo o Relatório Global sobre Idadismo, divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU), uma em cada duas pessoas no mundo discrimina em função da idade. A campanha teve como objetivo trazer o tema do idadismo para o debate, conscientizar e popularizar o conceito para que as pessoas possam refletir sobre ele.

Alguns dados atuais corroboram essa necessidade: desde o começo da pandemia do novo coronavírus no Brasil, as denúncias de maus tratos contra os idosos subiram 59% entre março e junho de 2020 e a renda dos mais velhos diminuiu, caindo quase que pela metade principalmente entre os mais pobres. Também foi relatado aumento de sentimentos relacionados à solidão e tristeza, sobretudo entre as mulheres.

E não são só os mais velhos que sofrem: os mais novos também passam por situações de idadismo em diversas áreas e momentos da vida. Mais de dois terços dos jovens no Brasil estão em trabalhos considerados de baixa qualidade, ou seja, que não oferecem condições mínimas de salário, estabilidade, rede de proteção, como INSS, e boas condições de trabalho. A cada dez trabalhadores com até 24 anos de idade, quase oito trabalham em situação de vulnerabilidade.

#Totalidades foi a campanha da Agência io! lançada em junho de 2021 para o combate ao idadismo – ou seja, o preconceito baseado na idade.
O idadismo acontece porque, cultural e socialmente, criamos estereótipos para as diversas idades. Essa postura gera discriminação no modo como agimos em relação às pessoas com base em sua idade.
A #Totalidades – A melhor idade é a sua! mobilizou 9 profissionais das áreas de conteúdo, mídias sociais, criação, audiovisual, anúncios online e desenvolvimento web da io!

A CAMPANHA

A campanha #Totalidades – A melhor idade é a sua, teve como principal ideia criar um movimento para mudar o discurso sobre a idade e o envelhecimento em diferentes ambientes e situações.

Na campanha demos vozes a 14 personagens. No vídeo, 11 pessoas de diversas idades, que aceitaram dividir conosco os desafios enfrentados pelo estereótipo, preconceito e discriminação com base na idade, já nos 3 episódios do Podcast, profissionais trazem dados e o contexto das causas e quais são as suas consequências.

Nas peças de sustentação nas mídias sociais trabalhamos com pesquisas de como o preconceito de idade afeta não só o indivíduo, mas também a sociedade, e para gerar impacto trouxemos mais citações dos entrevistados.

Confira o vídeo produzido

A IDENTIDADE

Para o projeto pensamos em como aproximar realidades distintas afetadas por esse preconceito social, através das cores e com blocos que a cada peça estão em dimensões e posições diferentes conseguimos explorar a diversidade.
Com o objetivo de dar voz aos personagens, no logo utilizamos um balão de fala e também destacamos a ambiguidade do nome “Total” “Idades” com o contexto de que em todas as idades é possível se sentir confiante e completo.

Em determinadas peças blocamos formas em Preto e Branco em cima do personagem para trazer o tom dramático para os conteúdos mais sérios.
Por ser uma campanha idealizada pela Agência io! as cores e fonte são as mesmas do Brand da marca.

ESTRATÉGIAS

Sendo uma campanha que tem o foco em conversar com várias idades e realidades diferentes nosso proposito foi levar a mensagem pelas mais diversas mídias, pensando no comportamento desses usuários na internet e o tipo de conteúdo que eles consomem.
Nosso foco principal foram as mídias sociais, trabalhando além da divulgação do vídeo principal, post informativos sobre preconceito contra a idade e dados globais sobre o assunto. O YouTube também foi utilizado como mídia paga para alcançarmos ainda mais resultados.

A novidade para essa campanha foi explorar o formato podcast, abordamos em 3 episódios informações sobre o idadismo e como ele pode afetar nossas vidas, inclusive em tempos de pandemia.

Convidamos três profissionais especialistas no assunto, preconceito baseado na idade, para esclarecer o conceito do idadismo, a forma como homens e mulheres envelhecem e como a pandemia contribuiu para o aumento da discriminação baseada na idade, propondo reflexões e debates acerca do tema em três episódios de podcast, disponíveis nas principais plataforma de áudio, você pode conferir aqui. Os episódios foram disponibilizados em diferentes datas, na landing page, uma contagem regressiva notificava quanto tempo faltava para os episódios irem ao ar, para a divulgação, foram produzidos post-audio nas redes sociais e envio de e-mail marketing para clientes e colaboradores.

DIVULGAÇÃO

O pré-lançamento da campanha contou com conteúdo embasado em dados e pesquisas sobre o idadismo, com vídeo teaser e com enquetes no Stories do Instagram.
O lançamento da campanha aconteceu no dia 14 de junho, contou com o vídeo completo nas redes sociais Facebook, Instagram, Youtube e LinkedIn, campanha de e-mail marketing para os clientes e colaboradores, 3 pontos de outdoor na cidade de Jundiaí e uma landing page (confira aqui) que disponibilizou o vídeo, os episódios de podcast, um Ebook gratuito “Novos olhares sobre a longevidade” e informações sobre a campanha.
Durante a campanha, datas comemorativas foram introduzidas, buscamos manter a identidade visual e conteúdo que mantivesse o tema idadismo.

No dia dos namorados, propomos uma reflexão para nossos seguidores, “Por acaso, o amor tem idade?, ressaltando a importância ao combate do estereótipo por idade.
Dia 15 de junho, Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, data que tem tudo a ver com a campanha, produzimos um post estativo informativo sobre a importância de garantir a integridade física e psicológica da pessoa idosa, além disso, fizemos uma parceria com o 60+, portal que traz curiosidades, dicas e novas possibilidades para viver a longevidade, com um post colab nas redes sociais.
Já no dia 28 de junho, foi a vez de comemorar o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, trabalhamos com a ideia da diversidade humana em suas expressões, identidades de gênero e orientações sexuais, em um post que trouxe a combinação da identidade da campanha #totalidade e a bandeira LGBTQIA+.

Data comemorativa - Conscientização da Violência
Data comemorativa - Dia dos Namorados
Data comemorativa - Orgulho LGBTQIA+

RESULTADOS

A campanha foi um sucesso, gerou bastante engajamento positivo.
Para ampliar nossa divulgação contamos com as mídias pagas e obtivemos em 2 semanas de campanha 45% do tráfego e 80% das visualizações do Youtube para o vídeo principal nativas de anúncios.
Em 15 dias de campanha a landing page gerou 813 visualizações únicas, com 10 download do ebook disponibilizado gratuitamente.
No Instagram tivemos um alcance das postagens de 5.943, com 6.571 impressões. Foram mais de 450 curtidas e 53 comentários. Já no Facebook o alcance foi de 79.332 e impressões totais 86.870.

ENTRE EM CONTATO

Além de engajar e dar visibilidade, campanhas sociais são importantes para demonstrar o bem-estar coletivo e que a sua marca está disposta a mudanças de comportamento. Aqui na io! temos as estratégias criativas para te posicionar no mercado.